Segundo estudo de 2017 da Organização Mundial da Saúde, 264 milhões de pessoas no mundo foram diagnosticadas com transtorno de ansiedade, sendo o Brasil o país com maior taxa de pessoas com esse diagnóstico.

Mas é importante diferenciar o transtorno de ansiedade da ansiedade de natureza humana.

No dia a dia é comum as pessoas sentirem ansiedade por algum evento que se aproxima ou um possível diagnóstico de doença, e por aí vai… Essa apreensão é um sentimento desagradável inerente ao ser humano, suportável e passageira.

Quando o medo e a ansiedade são desproporcionais à situação vivenciada, interferindo na realização de atividades rotineiras e na qualidade de vida da pessoa, podemos então pensar em um diagnóstico de transtorno de ansiedade.

Existem alguns tipos de transtorno de ansiedade, como: Transtorno de Ansiedade Generalizada, Fobias Específicas, Transtorno de Ansiedade Social, Transtorno de Pânico, Transtorno Obsessivo-Compulsivo, entre outros.

O tratamento psicológico é importante para auxiliar o paciente na diminuição do desconforto emocional e do prejuízo nas atividades corriqueiras decorrentes da ansiedade. Quando os sintomas são graves pode ser necessário o tratamento com medicamentos, sempre com a recomendação e acompanhamento de um médico psiquiatra.

Se você precisa de ajuda, procure um especialista da área da saúde mental.

#psicologia #psicoterapia #SaúdeMental #Valinhos #psicóloga

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *